A Coruja

Fim de Semana

O marido é programador como já aqui referi e todos os anos vai a um evento relacionado com o seu trabalho. Uma comunidade onde partilham experiências e saber. Onde o conhecimento nunca é de mais e onde ninguém guarda o mesmo para si.

 Neste evento não há concorrência, há parceiros de trabalho, há colegas que partilham uma via de trabalho e fazem gosto em partilhar e ensinar o próximo.

Pois bem, eu nada tenho a ver com isto, a não ser que sou a mulher do programador que este ano esteve envolvido na organização do evento.

No Sábado, fui ajudar no que podia, passei a maior parte do tempo na recepção do evento. Para mim foi óptimo pois acabei por conhecer pessoas de outros lados da fronteira, fiz novas amizades e senti-me realmente útil.

A Corujita inscreveu-se num workshop para crianças. Fiquei babadíssima com o piolho. A meio da tarde, um dos formadores veio ter comigo a perguntar se era a mãe da Corujita, depois de lhe dizer que sim, desmanchou-se em elogios ao pequeno, como era educado, interessado e super inteligente. Que se destacava junto aos outros. Proud Mom!

 No final do dia, fomos jantar com o grupo! Deu para relaxar, conviver e beber umas caipirinhas! Nice!

Acabámos por ser os primeiros a sair, porque o piolho já não aguentava mais e eu própria estava de rastos.

No Domingo, o dia foi mais calmo. Assistimos a apresentações, conversámos com amigos, conhecemos mais pessoas novas e acabámos o dia num restaurante de marisco a jantar com duas pessoas maravilhosas que vivem bem para lá da fronteira. Noite espectacular!

Adoro estes eventos, apesar de não partilhar conhecimentos de informática e programação, adoro a partilha humana, a simpatia e a experiência que cada um me traz e todas as amizades novas que acabo por ganhar.

Deixa a tua opinião... diz-me coisas...

%d bloggers like this: